Praias no Pará para curtir a baixa temporada

Categorias:

Sem categoria
Compartilhe:

Após passar tantos meses isolados dentro de casa, é normal que queiramos correr para os lugares que nos sentimos bem, mas claro, observando e seguindo a todas medidas de segurança por conta do Coronavírus. 

Com o afrouxamento da quarentena, ainda em julho, os principais balneários do Estado do Pará chegaram a ficar lotados de banhistas. O alto verão amazônico com certeza é um convite e tanto para se refrescar nas águas geladas das praias paraenses.

Porém, não podemos esquecer de cumprir com as medidas de proteção, que incluem, no mínimo, as máscaras e se manter a pelo menos 1 metro e meio de distância de outras pessoas. Com certeza, essa missão se torna ainda mais complicada em um balneário lotado em pleno verão.

Por isso, muitas pessoas estão recorrendo às praias paraenses na baixa temporada. Lugares mais tranquilos, sem aglomerações e com valores de alimentação e hospedagem em conta se tornam bons atrativos para quem quer um pouco de sombra e água fresca. 

Confira algumas ideias de lugares para curtir uma praia na baixa temporada no Pará!

Praia da Princesa (Algodoal)

A vila de Algodoal está localizada na Ilha de Maiandeua, no município de Maracanã. A ilha oferece 19 km de praias de areia branquinha. A mais famosa delas é a Praia da Princesa, onde estão localizados alguns quiosques. A região é área de proteção ambiental (APA), por isso as suas paisagens nativas permanecem quase que intocadas.

Vale frisar que a Ilha de Maiandeua abriu suas portas novamente para os turistas recentemente. A Ilha estava fechada para visitantes com o intuito de preservar a população local do surto de Coronavírus.

Como chegar: São cerca de 3h de viagem até Marudá, que pode ser feita de carro, moto, van ou ônibus que saem do terminal Rodoviário de Belém. Ao chegar no Porto de Marudá, atravesse de barco até Algodoal. Automóveis não são permitidos na Ilha.

Alter do Chão

As praias de Alter do Chão, em Santarém, estão na minha lista pessoal das praias mais lindas do mundo. Não tinha como deixar de fora, até porque este período entre agosto e dezembro é a melhor época para desfrutar das praias, que ficam submersas nos primeiros meses do ano. 

A praia mais conhecida são a Ilha do Amor, Praia do Pindobal, Ponta de Pedras e Ponta do Cururu. Recomendo conhecer todas. 

Em setembro aconteceria o Festival Folclórico do Sairé. Uma festa muito bonita, mas que por conta da pandemia precisou ser cancelada.  

Como chegar: De avião, o percurso Belém-Santarém dura cerca de 1h e mais o traslado até a vila de Alter do Chão. Pelo rio, a viagem dura cerca de cinco dias e passa por cenários belíssimos. Os barcos saem três vezes por semana de Belém para Santarém.

Veja Também

Tudo sobre Alter do Chão

Praia de Ajuruteua (Bragança)

Imagem: Sidney Oliveira

A 210 km de distância de Belém está Bragança, também conhecida como a “Pérola do Caeté”. A poucos minutos está localizada a Praia de Ajuruteua, considerada como uma das mais belas praias do Estado. 

Na época de baixa temporada é ideal para descansar, mas também para quem gosta de esportes como surfe e kitesurfe. Uma curiosidade que surpreende os visitantes é que quando a maré está baixa é possível avistar a carcaça de um navio naufragado, além da 

presença de garças e guarás para deixar o cenário ainda mais bonito.

Como chegar: De carro, moto ou ônibus. A viagem dura aproximadamente 4h.

Praia do Caripi (Barcarena)

Imagem: Agência Pará

A cidade de Barcarena oferece algumas opções de praias de água doce às proximidades de Belém. Sendo assim dá para fazer uma viagem de somente um dia para visitar a região.

A praia mais conhecida é a Praia do Caripi. Possui boa estrutura para turistas, como restaurantes e até mesmo hospedagem. A Praia do Sirituba também é uma ótima opção.

Como chegar: A viagem pode ser feita a partir de Belém por terra via Alça Viária ou de lancha, que sai do terminal Hidroviário de Belém. Ambas as viagens têm a duração de, no máximo, duas horas.

Praia do Farol Velho (Salinópolis)

Entre as praias do município litorâneo de Salinópolis, o Farol Velho é uma das opções mais tranquilas e limpas. São 4km de areia branca com piscinas naturais de pedras. Muito bom para levar as crianças e pessoas mais idosas. Ah, vale dizer que o pôr do sol na Praia do Farol Velho é um espetáculo à parte, viu? O sol se põe no mar.

Como chegar: É preferível ir de carro, a viagem dura cerca de 3h30min. Também é possível ir de ônibus ou van, partindo do Terminal Rodoviário de Belém até o terminal e solicitar um motorista de aplicativo para chegar até a praia.

Ilha do Marajó

Imagem: Bon Adrien

O maior ilha fluviomarítima do planeta está no Pará. Com praias belíssimas de água salobra (mistura de diversos rios que costumam cruzar a amazônia com o Oceano Atlântico), o Marajó é destino certo para quem busca cenários paradisíacos. Os destinos com melhor estrutura para o turismo são os municípios de Soure e Salvaterra. 

Praia do Pesqueiro (Soure)

Imagem: https://www.vounajanela.com/

Uma das praias mais conhecidas do Marajó. Está localizada no município de Soure. A praia é bastante calma, com seus 4 km de extensão. Por lá você encontra alguns búfalos soltos e pode até fazer um passeio turístico com eles.

Joanes (Salvaterra)

A água levemente salgada e os fortes ventos do Atlântico são a marca registrada de Joanes. Com os ventos fortes, as ondas de até 1,5 metro são um prato cheio para os adoradores do surfe. Aproveite a viagem para conhecer o artesanato da região. 

Praia Grande (Salvaterra)

Uma das praias mais frequentadas por turistas e por famílias com crianças por ter uma grande extensão de areia e quase não haver ondas.

Como chegar: De barco, saindo do Terminal Hidroviário de Belém ou se você estiver de carro (recomendo!) pode ir de balsa, que sai do Porto de Icoaraci, às 7h da manhã.

Espero que você encontre um refúgio seguro para descansar um pouco nesses tempos difíceis que enfrentamos. Lembre-se de seguir sempre as medidas de proteção e não se esqueça de manter as Praias do Pará limpas. Até breve! 

Compartilhe:

2016 Julia Maiorana | Desenvolvido e gerenciado por gCampaner

Muitas imagens utilizadas neste blog vêm de fontes diversas e muitas vezes não autorizadas. Se alguma foto de sua autoria estiver no blog e você desejar a remoção ou os devidos créditos, por favor envie um email para [email protected] que prontamente atenderei à solicitação.