Roteirinho para fazer turismo religioso na Europa

Categorias:

Destinos,Europa,Experiências,Roteiros
Compartilhe:

Adoro viajar com a minha família. Conhecer o mundo ao lado deles é uma das coisas que mais gosto de fazer. Sou de família católica e na época da semana santa fizemos uma peregrinação religiosa em agradecimento às nossas graças alcançadas.

Foi uma viagem maravilhosa! Preparamos juntos um roteiro com as igrejas dos Santos que mais somos devotos. E escolhemos a Europa como destino do nosso turismo religioso. Os países que visitamos foi França, República Tcheca, Itália e Portugal. Eu preparei um roteirinho com as igrejas que visitamos. Adoramos visitar todas!

 

Paris (França)

Começamos a viagem por Paris e sabem qual a igreja que resolvemos visitar primeiro? A da Nossa Senhora da Medalha Milagrosa. E que local lindo e de paz! Me arrepiei toda quando entrei! Desde pequena carrego uma medalhinha comigo, seja solta na carteira, colar, pulseira.

A Capela Nossa Senhora da Medalha Milagrosa é conhecida por ser um lugar de peregrinação. Todos os anos, fiéis do mundo inteiro vão à igreja para rezar a Virgem Maria. Segundo a tradição católica, foi nesse local que, em 1830, a irmã Catarina Labouré recebeu a graça de ver a Santíssima Virgem, que lhe entregou a Medalha Milagrosa. Desde então, milhares de pessoas visitam a capela.

Turismo religioso na Europa - Portugal - Nossa Senhora da Medalha Milagrosa - Julia Maiorana

Capela Nossa Senhora da Medalha Milagrosa

Ainda em Paris, seguimos para a Basílica de Sacre Couer, localizada no bairro de Montmartre. O bairro fica em uma colina, e a Basílica no topo desta colina, o local mais alto de Paris! Dá para imaginar que vista maravilhosa nós tivemos de lá, não é? Subimos até a cúpula da Igreja para contemplar a cidade.

A Basílica de Sacre Couer é um dos locais católicos mais importantes de Paris e começou a ser construída no final do século XIX, com o objetivo de ser o templo do Sagrado Coração de Jesus. Nossa visita ao local foi emocionante, principalmente porque estávamos lá na Sexta-Feira Santa, durante 3 horas da agonia.

Para finalizar a nossa primeira cidade, fomos na grande e imponente Catedral de Notre-Dame, uma das catedrais góticas mais antigas do mundo! Construída em 1163, a Catedral foi palco de grandes momentos da história, como a coroação, em 1804, de Napoleão Bonaparte como imperador da França e a beatificação, em 1909, de Joana d’Arc. Sem contar que o lugar é tema central do célebre romance de Victor Hugo, “Notre-Dame em Paris”, ou “O Corcunda de Notre Dame”.

A arquitetura da Catedral é lindíssima. Cada cantinho surpreende pela beleza magistral. Indico a visita guiada (em inglês) que acontece às quartas, quintas e sábados, a partir das 14h, para conhecer toda a riqueza histórica do lugar.

Praga (República Tcheca)

A segunda cidade que visitamos foi Praga, para encontrar a imagem do Santo que somos muito devotos: o Menino Jesus de Praga. Essa imagem, pequena e muito bonita, está na Igreja de Nossa Senhora Vitoriosa, que pertence a ordem das Carmelitas.

Considerada um dos templos católicos mais famosos de Praga, a Igreja de Nossa Senhora Vitoriosa, junto com a imagem do Menino Jesus de Praga, foi declarada pelo Papa Bento XVI como sendo a primeira estação da Via Apostólica do país!

Turismo religioso na Europa - Igreja de Nossa Senhora Vitoriosa - Julia Maiorana

Igreja de Nossa Senhora Vitoriosa

Dentro do Castelo de Praga, visitamos a Catedral de Sao Vito, o principal prédio em estilo gótico da cidade. Essa igreja é sede do acerbispado de Praga e reserva em seu interior obras de arte muito importantes para a história, como joias, coroas e mausoléus. Mas, o que mais nos chamou atenção foram os vitrais da Catedral, que são lindíssimos.

Continuamos passeando no Castelo de Praga e entramos na Basílica de São Jorge. A Basílica tem uma vista panorâmica maravilhosa e é bastante famosa na capital tcheca. O local tem também uma representação de São Jorge e o Dragão, que nos emociona.

Roma (Itália)

Próxima parada: Roma! Claro, essa não poderia ficar de fora do nosso turismo religioso na Europa. Visitamos a pequena e aconchegante Igreja de Santa Rita de Cássia. Depois, visitamos a Pantheon e a Igreja barroca Sant’Agnese in Agone, localizada na Piazza Navona. 

Ainda em Roma fomos à Basílica de São João de Latrão, um lugar lindíssimo, considerado uma das primeiras e principais igrejas católicas.

A Basílica de São João de Latrão é a Catedral de Roma e é lá que o Papa celebra os ofícios da Quinta-feira Santa. Perto da Basílica, está a Scala Santa (Escada Santa), uma escada de 28 degraus que fica em um edifício em Roma.

De acordo com a tradição católica, antes se ser crucificado, Jesus subiu estes degraus que o levaram até o pretório de Pôncio Pilatos, em Jerusalém. Todos os peregrinos tem que subir a Scala Santa de joelhos, o que torna tudo mais emocionante.  Sim, eu subi. Sim, foi super cansativo. E sim, cada degrau valeu a pena! Terminamos a nossa visita em Roma, na Basílica de Santo Ambrósio e São Carlos.

No Vaticano, fomos à Basílica de São Pedro, considerada o templo religioso mais importante da igreja da católica e o local onde o Papa realiza as liturgias. Em seguida, assistimos a Audiência Papal.

Veja mais: Como ter uma audiência com o Papa Francisco

 

Portugal

Finalizando nossa viagem, fomos à Portugal, para visitar a Basílica da Estrela e o Santuário de Fátima. As peregrinações por Fátima são tão indescritíveis que é difícil expressá-las em palavras. Tem a Capela das Aparições, onde acontece  missa a cada hora, e uma igreja, que é simples e linda. Fátima é conhecida por ser o local em que Nossa Senhora de Fátima apareceu para os três pastorinhos, Lúcia, Francisco e Jacinta.

Para quem é Católico, digo que o turismo religioso na Europa é maravilhoso. Essa viagem nos trouxe uma paz e a sensação de estarmos bem perto de Deus e dos Santos de nossa devoção, que eu indico de olhos fechados se você, assim como eu, teve uma graça alcançada. Mas, para quem não é católico, a experiência de conhecer essas igrejas também é super válida, pela riqueza histórica que elas carregam.

#DiquinhadaJu: Para visitar essas igrejas, eu sugiro que você procure evitar ir com os ombros expostos. Em alguma delas, como a Basílica de São Pedro, no Vaticano, não é permitido esse tipo de roupa.

#DiquinhadaJu 2: As igrejas não cobram para entrar, mas alguma têm filas gigantes na entrada, como a Catedral de Notre-Dame. A dica é se programar para chegar cedo e não enfrentar tantas filas.

E então? Pensa em fazer turismo religiosos na Europa parecido com esse roteiro que planejei para a minha família? Conta para mim quais as igrejas que você gostaria de conhecer, quero saber tudo! Um beijo e até mais 😉

Compartilhe:

6 thoughts on “Roteirinho para fazer turismo religioso na Europa”

  1. LUIZ AUGUSTO BORGES disse:

    EU E MINHA ESPOSA PRETENDEMOS FAZER UMA VIAGEM COM ROTEIRO PELAS CIDADES DE SANTOS E IGREJAS CATÓLICAS DA EUROPA.
    VOCÊ ´PODERIA NOS SUGERIR ALGUMA COISA ?

  2. Julia Maiorana disse:

    Oi Luiz!! Tudo bem? Que delícia. Como você viu no post, fiz isso com meus pais em abril e foi maravilhoso. Então, para começar precisamos saber umas coisinhas, como: vocês já tem a passagem e período? Qual o (s) países? Ou vocês querem fazer a partir das Igrejas que são devotos? Digo isso, porque a Europa respira cultura e quase todos os países tem Igrejas lindíssimas para visitar. Uma sugestão, também, é pela Itália, que possui cidades menores de vários santos. Qualquer coisa, me avise. beijos

  3. Germina oliveira disse:

    jjuliana …queremos ir em lisboa,porto,fatima ate Roma e as ruinas do coliseu;somosdois idosos;

  4. Julia Maiorana disse:

    Oi Germina! Que bom receber sua mensagem. Me mande um email e conversamos: [email protected]
    Beijos!

  5. Matheus disse:

    Olá Juliana,
    Esse roteiro que você e sua família fizeram foram em quanto dias?

    Obrigado!!

  6. Julia Maiorana disse:

    Oi Matheus! Tudo bem?
    Fizemos um roteiro pela Europa de 22 dias.
    beijos, Julia

Os comentários estão fechados.

2016 Julia Maiorana | Desenvolvido e gerenciado por gCampaner

Muitas imagens utilizadas neste blog vêm de fontes diversas e muitas vezes não autorizadas. Se alguma foto de sua autoria estiver no blog e você desejar a remoção ou os devidos créditos, por favor envie um email para [email protected] que prontamente atenderei à solicitação.